Como usar o Equilíbrio energético para emagrecer e ganhar massa muscular

Se você quer saber como você pode usar o equilíbrio energético para ganhar massa muscular ou emagrecer, então você precisa ler este artigo.

“Certos alimentos te engordam e não te deixa emagrecer”

“Alimentos saudáveis é melhor para emagrecer”

“A melhor dieta é a low carb é melhor para emagrecer”

“A melhor forma de ganhar massa muscular é comer muito”

Todas essas são afirmações que a maioria das pessoas dizem em relação a ganhar massa muscular e emagrecer.

Como você verá, nada disso é verdade.

Não importa qual tipo de dieta você faça para ganhar massa muscular ou emagrecer.

Não importa o quanto você treine.

Não importa se você come alimentos saudáveis.

O que vai te fazer ter sucesso na hora de ganhar massa muscular e emagrecer é um fator chamado “Equilíbrio energético”.

Ele determina se você mantém, ganha ou perde peso.

Você vai ver que a energia dos alimentos é medida em calorias. Comer calorias em excesso, ou seja, dar ao seu corpo mais calorias do que ele precisa e não fazer nada (atividade física) para queimar gordura só vai fazer você acumular mais gordura.

Então, para que você possa perder a gordura, você deve garantir que o seu corpo queime mais calorias do que você está obtendo na alimentação.

Para que você possa ganhar massa muscular, seu organismo necessita de um “excesso” de calorias para reparar e reconstruir os tecidos (requer boas quantidades de proteína também), ou seja, você precisa comer um pouco mais de energia do que o seu corpo queima para obter bons ganhos musculares.

Para você entender melhor, vamos ao que interessa.

O que é o equilíbrio energético?

Equilíbrio de energia ou balanço energético refere-se à quantidade de energia (calorias) que você come e a quantidade de energia que você gasta (exercício físico).

Resumidamente funciona assim:

  • Se você come mais do que gasta, então você ganha peso.
    Isso também é conhecido como “balanço energético positivo” ou “superávit calórico”
  • Se você gasta mais do que come, então você perde peso.
    Isso também é conhecido como “balanço energético negativo” ou “déficit calórico”

Ou seja, para emagrecer consuma menos e gaste mais, e para ganhar peso coma mais, simples assim.

É o equilíbrio energético que define se você ganha ou perde peso, e não o horário ou o tipo de alimento que você come.

Seguindo esse pensamento, a quantidade que você come é mais importante de o que você come.

Ainda tem dúvidas?

Um exemplo que adoro citar sobre o equilíbrio energético é de um professor americano que emagreceu 12 kg comendo lanche, oreo, batata frita, doritos e cereais doces. O que ele fez foi simplesmente ingerir menos calorias do que estava gastando, e então perdeu peso.

Agora, é claro que você não deve fazer isso, afinal não é nenhum pouco saudável, isso foi só para você entender o papel do equilíbrio energético.

No entanto, quando seu objetivo é reduzir gordura e não músculo, você deve levar em consideração mais do que apenas calorias.

Quando queremos olhar para a composição corporal, uma caloria não é apenas uma caloria, e o que você come é tão importante quanto a quantidade que você come.

Quando você quer ganhar massa muscular e reduzir ao máximo o ganho de gordura, você deve ficar atento na escolha dos alimentos.

O exemplo que vimos do professor mostrou como ele perdeu peso comendo aquelas porcarias.

Muitas pessoas confundem esse termo, perder peso é diferente de emagrecer.

Emagrecer significa reduzir o peso na balança independente do que a pessoa “perde” (água, gordura, músculo, massa óssea), emagrecer é apenas reduzir a gordura e preservar o músculo, e ganhar massa muscular é construir músculo aumentando o mínimo os níveis de gordura.

Tenho certeza que seu objetivo não é apenas perder ou ganhar peso, e quando esse não é o objetivo alguns tipos de calorias são mais importantes do que outras.

Como usar o equilíbrio energético para perder gordura

Agora que você já sabe como o equilíbrio energético funciona, sabe para emagrecer basta consumir menos calorias e queimar mais.

Mas quero dizer que, seu foco deve ser emagrecer com qualidade, e não simplesmente perder peso.

E para alcançar esse objetivo, vamos ao primeiro ponto…

Como fazer um déficit calórico correto

Quando falamos em fazer um déficit calórico, não quer dizer que você simplesmente vai diminuir suas calorias drasticamente.

Ao fazer isso, você per peso, mas alguns efeitos colaterais surgem no caminho, como….

Por isso, para não sofrer destes efeitos indesejados, não faça um déficit calórico maior do que 20-25%.

Para ficar mais claro, consuma 20-25% menos calorias do que você gasta diariamente.

Então, não há necessidade de cortar totalmente suas calorias, faça um pequeno déficit calórico e emagreça de forma eficiente.

Caso não saiba quantas calorias você queima diariamente, comece por esse post para calcular seu metabolismo basal.

Após descobrir em média quantas calorias você queima todos os dias, basta diminuir essas calorias em 20-25%.

Pronto, seu déficit calórico está criado, e com um treinamento intenso e com exercícios compostos, o emagrecimento está garantido.

Como usar o equilíbrio energético para ganhar massa muscular

Esse também é o objetivo de milhares de pessoas dentro de uma academia.

Agora, se para emagrecer você deve diminuir um pouco as calorias, para ganhar massa muscular você deve então consumir um pouco mais.

Caso seja esse seu objetivo, é isso que você vai fazer.

Várias revistas fitness, blogs e até pessoas que se intitulam “especialistas”, dizem que se você quer aumentar o peso você deve consumir 30% a mais de calorias.

E eles estão certos, mas dessa forma…

você vai atingir níveis elevados de gordura e aí…

Então o que devo fazer para maximizar meus ganhos musculares?

É simples, para ganhar massa muscular faça um aumento de 10-15% no consumo das suas calorias diárias.

Pode parecer pouco, mas dessa forma você pode ganhar massa muscular ganhando o mínimo de gordura corporal.

Pense no equilíbrio energético como o “fator principal” para o ganho e perda de peso.

Ao aplicar isso, ganhar massa muscular ou emagrecer estará garantido.

Agora, que você já sabe tudo sobre o equilíbrio energético, é hora de você entrar em ação e fazer seu planejamento alimentar.

O que você acha sobre o equilíbrio energético? Ficou alguma dúvida? Deixe nos comentários abaixo.

Avalie este artigo!
[Total: 1 Average: 5]
X
Novo Cadastro